Avaliação de instrumento de diagnóstico da função produção em uma empresa de pré-moldados

Nubia Adriane da Silva, Uequislei José da Silva, Marcio Eckardt

Resumo


Este estudo apresenta o resultado da aplicação do instrumento de diagnóstico para mapear os pontos de melhorias da Função Produção de uma empresa de pré-moldados, localizada no estado do Tocantins. A pesquisa caracteriza-se como qualiquantitativa, exploratória e descritiva quanto ao objetivo. Em relação ao procedimento técnico, emprega o estudo de caso. O instrumento utilizado foi desenvolvido por Da Silva e Antunes Junior (2016). Entre os principais resultados, esta pesquisa aponta a constatação de que o instrumento é apto a diagnosticar pontos de melhorias no setor de produção de empresas de todos os tamanhos e segmentos. De forma geral, a ferramenta para mapeamento da função produção e função operação, alinhada ao conceito de Sistema Toyota de Produção e à Teoria das Restrições, mostrou-se aplicável e benéfica.

Palavras-chave: Avaliação. Diagnóstico. Função produção. Pré-moldados.


Texto completo:

PDF

Referências


ACKER, A. V. Manual de sistemas pré-fabricados de concreto. Trad. de Marcelo de Araújo Ferreira.Cambridge: FIP, 2002.

ANDRADE, A. R.; ROSEIRA, C. Information as the Link Between Purpose, Processes, and People: a Study of the Portuguese Institutions. Gestão & Produção, v. 25, n. 1, p. 107-116, 2018.

ANTUNES JÚNIOR, J. A. V. Em direção a uma teoria geral do processo na administração da produção: uma discussão sobre a possibilidade de unificação da teoria das restrições e a teoria que sustenta a construção dos sistemas de produção com estoque zero. 1998. 399 f. Tese (Doutorado em Administração de Empresas). – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Programa de Pós-Graduação em Administração, Porto Alegre, 1998.

ANTUNES JÚNIOR, J. A. V. et al. Sistemas de produção: conceitos e práticas para projeto e gestão da produção enxuta. Porto Alegre: Bookman, 2008.

BARRATT, M.; CHOI, T.; Li, M. Qualitative Case Studies in Operations Management: Trends, Research Outcomes, and Future Research Implications. Journal of Operations Management, v. 29, n. 4, p. 329-342, 2011.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S.K. Qualitative Research for Education. Boston: Allyn and Bacon, 1982.

BRISTOT, P. P. et al. Diagnóstico da produção de organizações complexas: uma comparação entre empresas de serviços. Revista Gepros, v. 11, n. 4, p. 213, 2016.

CARVALHO, L. R. Proposta de estudo de processos construtivos industrializados do ponto de vista ambiental. 2017. 110 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia Civil). – Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2017.

CUNHA, B. F. et al. Sistema pré-moldado de concreto: estudo de caso na Universidade Federal de Santa Catarina. 2016. 110 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em engenharia Civil). – Universidade Federal de Santa Catarina, 2016.

COX III, J. F.; SCHLEIER, J. G. Handbook da Teoria das Restrições. Bookman, VitalBook file, 2013.

DA SILVA, N. A. O sistema Toyota de produção e teoria das restrições como base para análise da função produção em empresas do setor têxtil: Proposição de um instrumento de diagnóstico. 2016. 122 f. Dissertação (Mestrado). – Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2016.

DA SILVA, N. A.; ANTUNES JÚNIOR, J. A. V. Diagnóstico da produção métrica em micro e pequenas empresas: o setor têxtil tendo como base o sistema Toyota de produção e a teoria das restrições: Proposição de um instrumento. Diagnóstico, v. 38, n. 21 de 2017.

DRESCH, A.; LACERDA, D. P.; CAUCHICK, Miguel, P. A. A distinctive analysis of case study, action research and design science research. Revista Brasileira de Gestão de Negócios, v. 17(56), p. 1116-1133, 2015.

FANDIÑO, A. M.; OLIVEIRA, A. P. Avaliação da aderência do sistema de produção enxuta aplicado à gestão da produção de uma empresa automobilística. In: VI CONVIBRA – Congresso Virtual Brasileiro de Administração, 2009.

GOLDRATT, E. M.; COX, J. A meta. São Paulo: Educador, 1993.

GOLDRATT, E. M. A síndrome do palheiro: garimpando informação num oceano de dados. São Paulo: Educador, 1996.

GOLDRATT, E. Teoria das restrições. New Haven: CT, Goldratt Satellite Program/Avraham Y. Goldratt Institute do Brasil, 1999.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

OHNO, T. O sistema Toyota de produção: além da produção em larga escala. Trad. de Cristina Schumacher. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

PALADINI, E. P. Gestão da qualidade teorias e casos. Disponível em: https://books.google.com.br/ […]. Acesso em: 11 out. 2019.

PANTALEÃO, L. H.; OLIVEIRA, R. M.; ANTUNES JÚNIOR, J. A. V. Utilização de um jogo de produção como ferramenta de aprendizagem de conceitos de Engenharia de Produção: o jogo do barco. In: XXIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Anais... Ouro Preto, MG, Brasil, 21 a 24 de out de 2003.

PANTALEÃO, L. H. Sistema Toyota de produção. 2003. 160 f. Dissertação (Mestrado em Administração). – Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2003.

PERES, L. D. P. Avaliação de propriedades mecânicas de peças pré-moldadas submetidas à cura térmica pelo método da maturidade: estudo de caso. 2006. 165 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica). – Universidade Estadual Paulista, Ilha Solteira-SP, 2006.

RUDIO, F. V. Introdução ao projeto de pesquisa científica. 19. ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

SERRA, S. M. B.; FERREIRA, M.de A.; PIGOZZO, B.N. Evolução dos Pré-fabricados de Concreto. In: 1.º Encontro nacional de pesquisa, projeto e produção em concreto pré-moldado, Anais... São Carlos, SP, Brasil, 03 a 04 de nov de 2005.

SHINGO, S. O sistema Toyota de produção. Porto Alegre: Bookman Editora, 1996.

SCHNEIDER, M. D.; ZILLI, J. C.; VIEIRA, A. C. P. Diagnóstico mercadológico: um estudo em uma vinícola nos Vales da Uva Goethe–Santa Catarina. Revista da Universidade Vale do Rio Verde, v. 15, n. 2, p. 759-768, 2017.

SANTOS, L. H. Z.; CANÊO, L. C. Contribuições do Diagnóstico Organizacional para o Planejamento de intervenções em Psicologia Organizacional em uma empresa do ramo metalúrgico. Congresso de Iniciação Científica, 21., 2009, Bauru. Anais... Bauru: Unesp, 2009.

ROSA, J. A. Roteiro para análise e diagnóstico da empresa. São Paulo: STS, 2001.

REVEL, M. La prefabricacion em la construcion. Bilbao: Urmo. 1973.

ROTHER, M.; HARRIS, R. Criando fluxo contínuo: um guia de ação para gerentes, engenheiros e associados da produção. São Paulo: The Lean Enterprise Institute, 2002.

VIEIRA, L. G. D. et al. Aplicação de diagnóstico organizacional: um melhoramento do processo de produção de uma barbearia. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). – Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Socioeconômico, Curso de Administração, 2017.

VOSS, C.; TSIKRIKTSIS, N.; FROHLICH, M. Case Research in Operations Management. International Journal of Operations and Production Management, v. 22, n. 2, p. 195-219, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 
Atribuição 

CC BY

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Esta licença permite que outros distribuam, remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho, mesmo para fins comerciais, desde que lhe atribuam o devido crédito pela criação original. 

Contato:
Revista Sítio Novo
Kallyana Moraes Carvalho Dominices
Editora-Chefe
Instituto Federal do Tocantins - Reitoria
Avenida Joaquim Teotônio Segurado, Quadra 202 sul, ACSU-SE 20, Conjunto 01, Lote 08 - Plano Diretor Sul
Palmas, Tocantins - Brasil
Cep: 77.020-450
Telefone: 63 3229-2214

e-ISSN: 2594-7036

 

Bases de Dados, Diretórios, Repositórios e/ou Indexadores

 GoogleScholar  BASE - Bielefeld Academich Search EngineResultado de imagem para logo cabi abstracts