Avaliação da implantação da coleta seletiva solidária por meio da A3P no IFTO - Campus Araguatins

Raimunda Vieira dos Santos Silva, Rogério Pereira de Sousa, Maria Aparecida Gonçalves dos Santos, Rafaela Vieira da Silva, Maristela Tavares Gonçalves

Resumo


Este trabalho discorre sobre a importância e o impacto das ações da Agenda Ambiental da Administração Pública – A3P – na implantação da Coleta Seletiva – CS – e Coleta Seletiva Solidária – CSS –, em uma instituição federal de ensino. Para alcançar os resultados pretendidos, utilizou-se a observação, entrevista estruturada e pesquisa documental. Entrevistaram-se 30 colaboradores, profissionais envolvidos no manejo dos resíduos sólidos, direta e indiretamente. O trabalho revelou que o órgão, por meio da A3P, promoveu eventos e desenvolveu projetos de educação socioambiental; e implantou, de forma gradual, a coleta seletiva solidária. Os resultados apontam que a inexistência de uma cooperativa ou associação de catadores no município, sede da entidade, é uma ameaça para continuidade da CSS. Revelou ainda que, após a implantação da CSS, o volume de resíduos sólidos destinados ao “lixão” reduziu em 31,6%. Este estudo conclui que a atuação da Agenda Ambiental da Administração Pública é efetiva e contribui para melhorar a gestão dos resíduos sólidos gerados na instituição pesquisada.

Termos para indexação: gestão, resíduos, sólidos

Evaluation of the Deployment of Selective Solidary Collect with A3P in Federal Institute of Tocantins – Campus Araguatins

This assignment talks about the importance and the impact of the action of Public Administration Environmental Agenda A3P in the introduction of Selective Collect (SC) and Selective Solidary Collect SSC–, at a federal Institution of teaching. Thirty collaborators were interviewed, professionals involved with the handle of solid wastes, directly and indirectly. The assignment has revealed that the institution through A3P has promoted events and it has developed projects about socio-environmental education; it has introduced the supportive selective collection gradually. Results shows that the inexistence of a cooperative or an association of collectors in municipality, entity headquarter, is a threat for the continuity of SSC. It has still revealed after the introduction of SSC, the volume of solid wastes destined to the dump has reduced in 31.6%. This study concludes that the performance of Public Administration Environmental Agenda is effective and contributes to improve the solid wastes management at researched institution.

Index terms: management, waste, solid


Texto completo:

PDF

Referências


BESEN, G. R. Coleta seletiva com inclusão de catadores: Construção participativa de indicadores e índices de sustentabilidade. 2011. 275 p. Tese de doutorado - Faculdade de Saúde Pública da Universidade Estadual de São Paulo. São Paulo, 2011.

BRASIL. Decreto-Lei n.º 5.940, de 25 de outubro de 2006. Institui a separação dos resíduos recicláveis descartados pelos órgãos e entidades da administração pública federal direta e indireta, na fonte geradora, e a sua destinação às associações e cooperativas dos catadores de materiais recicláveis, outras e dá providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, DF. Disponível em: . Acesso em 7 de ago. 2015.

BRASIL. Lei n.º 12.305, de 2 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos; altera a Lei n.º 9.605, de 12 de fevereiro de 1998; e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, DF. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2015.

BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. A história da A3P. [2008]. Disponível em: . Acesso em 14 de mar. 2015.

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS. Orçamento 2015. Disponível em: . Acesso em 12 de mar. 2016.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: SP. Atlas. 2010.

JACOBI, P.R; BESEN, G. R. Gestão de resíduos sólidos em São Paulo: desafios da sustentabilidade. Revista Estudos Avançados, São Paulo, SP, v. 25, n. 71, 2011 p. 135-158. Disponível em: . Acesso em 3 de ago. 2015.

JULIATTO, D.L; CALVO, M.J; CARDOSO, T.E. Gestão integrada de resíduos sólidos para instituições públicas de ensino superior. Revista Gestão Universitária na América Latina, Florianópolis, v. 4, n. 3, p. 170-193, 2011. Disponível em: < http://stat.ijie.incubadora.ufsc.br/index.php/gual/article/viewFile/1262/1639>. Acesso em 12 de set. 2015.

LAKATOS, E.M., MARCONI, M.A. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisas, elaboração, análise e interpretação de dados 7. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

MIGUEL, P. A. C. Metodologia de pesquisa em engenharia de produção e gestão de operações. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.

MORESI, E. Metodologia da pesquisa. Universidade Católica de Brasília, Brasília, DF, 2003. Disponível em: . Acesso em: 22 jun. 2015.

PEREIRA, M. C. G; TEIXEIRA, M. A. C. A inclusão de catadores em programas de coleta seletiva: da agenda local à nacional. Cadernos EBAPE. BR, Rio de Janeiro, v. 9, n. 3, 2011 p. 897-913. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2015.

PITANGA, A.F. O enfrentamento da crise socioambiental: um diálogo em Henrique Leff sobre a racionalidade e o saber ambiental. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, Rio Grande, v. 32, n. 1, p.158-171, 2015. Disponível em: . Acesso em: 12 mar. 2016.

RIBEIRO, H.; BESEN, G.R. Panorama da coleta seletiva no Brasil: desafios e perspectivas a partir de três estudos de caso. Revista de gestão integrada em saúde do trabalho e meio ambiente. São Paulo, v. 2, n. 4, Artigo 1, 2007. Disponível em: . Acesso em: 17 mar. 2016.

SOUZA, V. O. Educação ambiental na efetivação de práticas ecológicas: um estudo de caso sobre práticas ecológicas e coleta seletiva na Universidade Estadual da Paraíba. Revista Brasileira de Educação Ambiental, São Paulo, SP, v. 9, n. 2, p. 364-375, 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 
Atribuição 

CC BY

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Esta licença permite que outros distribuam, remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho, mesmo para fins comerciais, desde que lhe atribuam o devido crédito pela criação original. 

Contato:
Revista Sítio Novo
Kallyana Moraes Carvalho Dominices
Editora-Chefe
Instituto Federal do Tocantins - Reitoria
Avenida Joaquim Teotônio Segurado, Quadra 202 sul, ACSU-SE 20, Conjunto 01, Lote 08 - Plano Diretor Sul
Palmas, Tocantins - Brasil
Cep: 77.020-450
Telefone: 63 3229-2214

e-ISSN: 2594-7036

 

Bases de Dados, Diretórios, Repositórios e/ou Indexadores

 GoogleScholar  BASE - Bielefeld Academich Search EngineResultado de imagem para logo cabi abstracts